Desvendando a Estrutura do Cabelo e Dicas de Cuidados

Você sabe qual é a estrutura do cabelo? A princípio, esse pode parecer um conhecimento muito técnico, mas ele não tem grandes mistérios e entendê-lo faz toda a diferença na hora de cuidar do fios.

Acompanhe o artigo e desvende a anatomia do cabelo. Assim, será possível evitar queda, problemas de crescimento ou agressões cotidianas. Vem com a gente!

estrutura do cabelo

A estrutura do cabelo

A fibra capilar tem três estruturas básicas: cutícula, córtex e parte interna, esta constituída pelo folículo piloso e pela glândula sebácea.

Sobre a parte interna: formação do fio

O nosso cabelo é um tipo de pelo, como os vários que temos distribuídos ao longo do corpo. Ele é formado por células epidérmicas que nascem na camada mais profunda da pele, a derme. É nela que estão os folículos pilosos.

Na área do couro cabeludo, os folículos ficam 4mm abaixo da superfície e recebem nutrientes por meio de vasos sanguíneos. Eles são a parte viva do cabelo. É daí que surgem os fios e onde a raiz está conectada.

Junto à região está a glândula sebácea que secreta substâncias gordurosas para dar brilho e maciez aos fios. Quando a glândula está desregulada, porém, ela pode deixar o cabelo oleoso ou seco.

O córtex capilar

O córtex é a parte mais interna da estrutura visível do cabelo. Ou seja, ele é a região central da fibra e pode ser visto com o auxílio de um miscroscópio.

A área abrange 80% do fio, é formada por um núcleo — a medula — e contém componentes diversos, incluindo proteínas e melanina, responsável pela cor. É o córtex que mantém a hidratação dos fios e proporciona resistência e elasticidade.

A cutícula

A cutícula é a parte mais externa da estrutura do cabelo e sua função principal é proteger o córtex de qualquer dano. A área possui várias camadas de células que são revestidas por uma película de lipídios. Essa membrana é impermeável e funciona como um condicionador natural.

É a cutícula que dá ao cabelo o toque macio e garante facilidade de desembaraço.

Os danos ao cabelo

Depois de compreender quais são as estruturas do cabelo, é o momento de saber como elas podem sofrer agressões. Os fios são afetados, entre outras coisas, por:

  • uso de chapinha e secador;
  • tintura;
  • químicas de alisamento;
  • mega hair;
  • água de piscina ou mar;
  • sol em excesso.

Tudo isso retira a camada protetora da cutícula, causando perda de brilho e maciez. Dependendo do nível da agressão ou dos produtos usados, eles podem chegar ao córtex e retirar proteínas e lípidos. Isso deixa o fio poroso e a tendência à quebra aumenta.

Quando existem alterações na estrutura do fio, ele também pode cair com mais facilidade, pois deixam de existir os nutrientes necessários à sua sustentação.

Cuidados com os fios

Para evitar as agressões constantes, sempre cuide dos seus fios. Não use produtos químicos com frequência, nem chapinha. O secador, quando utilizado, deve estar a 15 cm de distância da fibra capilar. Por fim, quando for à praia ou piscina use produtos com proteção UV. Tudo isso ajuda a deixar a fibra capilar mais forte e saudável.

Agora você já sabe como é formada a estrutura do cabelo e pode cuidar dela com a devida atenção. Continue acompanhando o nosso site para obter mais informações sobre cuidados capilares.